Cão salva a vida de bebê engasgado em seu berço no Reino Unido

Se não fosse o alerta dado pelo cão Louie, a pequena Chloe Showell, de apenas um ano de idade, teria morrido sufocada.

Louie é um cãozinho, de 4 anos, da raça Cavalier King Charles Spaniel, que estava visitando a casa da neta de sua dona, em Dartford, na Inglaterra.

Segundo Maureen Tarrant, a dona do cão, ele é um animal muito manso e silencioso, mas em certo momento começou a latir desesperadamente e correr para o quarto de Chloe Showell, um bebê com cerca de 1 ano.

A mãe da criança estranhou e resolveu seguir o cachorro. “Ele ficava latindo e latindo. Ele quase nunca faz isso. Ele entrava e saia do quarto da Chloe”, disse Shannon Weeks

Uma cena desesperadora

Assim que chegou ao quarto da filha, Shannon Weeks viu que Louie a esperava perto da porta, e quando ela entrou no aposento, descobriu algo desesperador: Chloe se encontrava com o rosto virado para o colchão do berço, e havia se engasgado com seu próprio vômito enquanto dormia.

Quando se aproximou, a mulher notou que a pele garotinha havia se tornado pálida, e seus lábios estavam azulados – sinais claros de que a menina não respirava. Rapidamente, Shannon retirou Chloe do berço e começou a dar tapinhas nas costas da filha, e, felizmente, o procedimento fez com que as vias aéreas da bebê fossem desobstruídas.

Durante o acontecimento, o cão permaneceu o tempo todo do lado de fora do quarto, choramingando.

Atitude heróica

Assim que a criança voltou a respirar foi levada às pressas pelo pai até o hospital chamado Darent Valley, onde os médicos descobriram que ela possuía dois problemas de saúde: bronquite e gastroenterite viral, que, agindo em conjunto, foram os responsáveis por provocar o vômito.

Segundo Shannon Weeks, os próprios médicos acabaram afirmando que Louie salvou a vida da menina ao dar o alerta de que havia algo errado – a mesma opinião é compartilhada pela mãe da garotinha, que declarou: “Ele realmente a salvou. Louie é meu herói. Se não fosse por ele, eu não teria [mais] a minha filha linda”.

A mulher revelou ainda que Chloe, que se recuperou completamente do incidente e já está em casa, anteriormente tinha um pouco de medo de Louie, mas depois do ocorrido “eles se tornaram inseparáveis”.

Com informações do Daily Mail.

Paulo do Amaral

Jornalista fundador do Vida Pet News – O Portal Capixaba de noticias dos animais – https://www.facebook.com/VidaPetNews

Deixe uma resposta