Cientistas encontram “fortes evidências” do que os cães estão tentando dizer com gestos

Cientistas encontraram “fortes evidências” de que os cães usam gestos para se comunicar com as pessoas em uma das primeiras tentativas sistemáticas de decodificar sua linguagem.

Pesquisadores da Universidade de Salford, na Grande Manchester, inscreveram 37 cães e seus donos que filmaram os movimentos diários de seus amigos de quatro patas. A filmagem foi analisada para ver o que eles estavam tentando dizer. A missão foi para descobrir o que os cães estão tentando dizer com sinais sutis e gestos mais evidentes.

Sem surpresa, os cães têm muitas maneiras de indicar que querem comida – incluindo pular, virar a cabeça, levantar a pata, esfregar o nariz e lamber.

O estudo chama a comunicação de “gestos referenciais”, muito parecido com o que os bebês humanos usam antes de aprender a falar.

“Cães domésticos também podem realizar comportamentos ‘exibindo’ em ataques comunicativos referenciais. ‘Comportamentos’ são definidos como comunicação que contém um elemento direcional relacionado a um objeto externo e um elemento de atenção que direciona a atenção do receptor para o sinalizador. “, diz o estudo.

Os pesquisadores afirma que é a primeira tentativa sistemática de decodificar a linguagem dos cães.

O gesto mais comum identificado pelos cientistas foi o “movimento da cabeça”. 

 

É quando o cão olha de um humano para um objeto para mostrar que está interessado nele.

Os pesquisadores concluíram que esse gesto de “virar a cabeça” indicava que os cães eram “potencialmente adeptos de usar a comunicação referencial”.

“Este estudo fornece fortes evidências de que os cães de estimação usam gestos referenciais durante ataques comunicativos todos os dias com os seres humanos”, disseram os pesquisadores.

Imagem relacionada
Por exemplo, um cachorro pode rolar de costas ou roçar a perna do dono ao pedir que a barriga seja arranhada.

Rolando, levantando as patas e pulando para cima e para baixo, estavam entre os 19 gestos analisados ​​no estudo.

Pedindo para ser arranhado, para uma porta ser aberta, um brinquedo para ser buscado e para as refeições serem servidas eram alguns dos pedidos que os cientistas acreditam estar fazendo.

Bater um brinquedo na frente das pessoas também foi identificado como cão falar por “estou com fome” no estudo, que foi publicado na revista Animal Cognition.

Às vezes, os cães usam uma variedade de sinais para transmitir sua mensagem, se não for entendido pela primeira vez, mostrou o estudo.

“Os gestos foram realizados de forma referencial, com a atenção do receptor atraída por um item de interesse aparente para o sinalizador. Além disso, nossos resultados mostram que os humanos responderam a esses sinais de maneiras que aparentemente satisfazem o sinalizador ”.

 

Paulo do Amaral

Jornalista fundador do Vida Pet News – O Portal Capixaba de noticias dos animais – https://www.facebook.com/VidaPetNews

Deixe uma resposta