Filme “Um gato de rua chamado Bob” já esta nos cinemas


James Bowen era um homem à deriva, em Londres. Toxicodependente, vivia à margem da família e chegou a dormir na rua. Até que um gato laranja o “adotou” e lhe deu uma segunda oportunidade.

Esta é a história verdadeira de uma forte amizade entre um animal e um homem. Depois do livro, “Um Gato de Rua Chamado Bob” chega agora ao cinema.

O filme é adaptado do primeiro livro assinado por James Bowen, centrado na experiência de vida ao lado de um gato especial. O realizador Roger Spottiswoode, conhecido entre outros pelo episódio da série James Bond “O Amanhã Nunca Morre”, é o responsável pela adaptação da história de “Bob” e Bowen ao cinema.

O ator Luke Treadaway dá corpo a “James Bowen” e destaca a parceria com o verdadeiro “Bob”, o único gato à vontade para “atuar” em Convent Garden. “Há outros gatos no filme, que fazem um excelente trabalho como duplos, saltando para dentro e para fora de carros, mas o ‘Bob’ era o único que estava confortável no meu ombro quando eu tocava na rua, em Convent Garden porque já tinha anos de experiência a faze-lo. Muito mais do que eu”, salienta o ator inglês, de 32 anos.

Antes de adotar “Bob”, James Bowen procurou por um hipotético tutor do gato que um dia lhe “invadiu” a casa, ferido e em busca de comida. Não encontrou. Mas “Bob” já o tinha o escolhido, seguia-o por todo o lado, foi adotado e tem vindo a dedicar as suas nove vidas felinas para salvar a única de Bowen.

Com a ajuda de “Bob”, Bowen conseguiu largar a droga e encontrou o seu caminho como artista de rua, em Londres. Os espetadores de ocasião ajudaram-no a tornar-se conhecido. A Bowen e, sobretudo, a “Bob”.

Quando a sua história chegou a um programa de televisão, tornou-se um êxito internacional. A parceria já deu origem a dois livros de Bowen centrados no gato laranja e o artista/escritor não poupa nos agradecimentos ao amigo inseparável.

“Sinto-me tão agradecido a este ‘pequenote’ porque me deu todas estas oportunidades e mudou a opinião de tantas pessoas por todo o mundo. Espero que este filme alcance o que necessita e desejo que o público goste tanto como nós gostamos de o fazer”, afirmou James Bowen.

Para a atriz Ruta Gedmintas, que dá corpo a “Belle”, a vizinha que adora animais, “James é um homem maravilhoso”. “Ele estava muito entusiasmado. Tê-lo ali, por perto, de início foi estranho, mas afinal… isto é tudo para ele. É tudo por ele. Por isso, tê-lo ali, nas filmagens, deu-nos uma sensação de honestidade e nos momentos em que começávamos a exagerar no filme lembrávamos-nos de que esta era uma pessoa real, uma história verdadeira”, realça a inglesa de 33 anos de origem lituana.

“Um Gato de Rua Chamado Bob” estreia no a 29 de dezembro e em a 12 de janeiro de 2017.

Fonte: EuroNews

Qual Sua Reação? :O

Ruim Ruim
0
Ruim
Fofo Fofo
0
Fofo
Nerd Nerd
0
Nerd
LOL LOL
0
LOL
Amei Amei
0
Amei
Omg Omg
0
Omg
Triste Triste
0
Triste
Assustador Assustador
0
Assustador
Wtf Wtf
0
Wtf
Paulo do Amaral

Jornalista fundador do Vida Pet News – O Portal Capixaba de noticias dos animais – https://www.facebook.com/VidaPetNews

Comments 0

Filme “Um gato de rua chamado Bob” já esta nos cinemas